Análise do Boteco do Ilgo

Inédito: Gre-Nal com dois vencedores

Um Gre-Nal com dois vencedores. É como eu vejo o clássico disputado em Erechim.

O Inter venceu por 2 a 1, e o que é entra para a estatística e o que interessa em termos de classificação no Campeonato Gaúcho.

Já o time reserva do Grêmio, com apenas dois titulares de fato, Werley e Fernando, aliás, o melhor em campo, disparado, conseguiu manter um duelo interessante e também foi vitorioso porque impediu o que todos os colorados gostariam que acontecesse, uma goleada vermelha.

Mais do que isso. O time Reservas do Grêmio chegou a ter o controle do jogo durante a maior parte do segundo tempo, tanto que o técnico Dunga fez a leitura adequada do que ocorria: o seu rival dominava o meio de campo a partir do momento em que Fernando marcou o gol cobrando falta na falha de Muriel.

O Inter recém havia feito o segundo com Damião, dava um calor no Reservas do Grêmio, e tudo indicava que estava aberto o caminho para a tão sonhada goleada. Mas havia um gol do Fernando no meio do caminho.

Esse gol deu ao Reservas do Grêmio mais personalidade, mais confiança. Foi aí que Dunga agiu, colocando o volante Josimar e sacou um meia, o Datolo, o que deu mais consistência à marcação colorada. O resultado é que nos minutos finais o Inter retomou o controle e por pouco não ampliou.

A meu ver foi um resultado justo. Bom para o Inter e bom para o Grêmio.

Os dois, de certa forma, atingiram seus objetivos básicos: o primeiro TINHA que vencer, o segundo não poderia sofrer goleada.

Antes que esqueçam de referir por aí: esse time do Inter está treinando junto há umas três semanas; o que o Grêmio mandou a campo treinou apenas uma vez.

COTAÇÃO DO BOTECO

INTER

Muriel – boas defesas, mas falhou no gol – 5

Gabriel – jogou o que vinha não-jogando – 4

Moledo – grande imposição na área – 7

Ronaldo Alves – muito mais ou menos – 6

Fabrício – irreconhecível, bela partida – 8

Willians – marcou forte, bons lançamentos – 7

Fred – foi eficiente, mas discreto – 6

Datolo – um meia inquieto e driblador – 7

D’ Alessandro – articulou boas jogadas – 8

Damião – um gol pra tentar esquecer o Tottenham – 6

Forlan – fez o gol, correu e participou do segundo – 7

Josimar e Vitor Jr – nada a declarar.

GRÊMIO

Busato – pareceu inseguro, mas não comprometeu – 6

Tony – continua tendo muito potencial – 5

Werley – foi o patrão da área – 8

Bressan – tem jeito de xerifão e cara de brabo – 7

Alex Telles – tem potencial. Hoje, é um bom reserva – 6

Fernando – um gigante, deu show no gramado cultivado e mantido pelo seu pai durante anos. De quebra fez um gol que assustou os colorados – 10

Misael – volante que marca e trabalha a bola – 7

Léo Gago – já escrevi antes: ele se sente à vontade entre reservas – 8

Deretti – um início arrasador, depois sentiu a marcação – 6

Leandro – muita movimentação e alguns bons lances – 6

Willian José – pouco acionado, mas mostrou algumas qualidades. 6

Rondinelly e Mamute – nada a declarar.

ÁRBITRO

Fabrício deixou de marcar pênalti sobre Deretti aos 47min do primeiro tempo. Ao contrário do que dizem os comentaristas de arbitragem, Deretti sofreu um empurrão por trás do Fred dentro da área. Mas é um lance que poucos juízes marcam, ainda mais em clássico. Aliás, se nem comentarista de arbitragem pela TV marca… Nota 7 pelo conjunto da obra.

 

Anúncios
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s